domingo, 14 de setembro de 2008

MAIS FOTOS DA CAPELA EM QUE MACHADO DE ASSIS CASOU

Machado de Assis nasceu em 21 de junho de 1839 Rio de Janeiro, e morreu em 29 de setembro de 1908 na mesma cidade com 69 anos. Este homem foi um exemplo não só como escritor, mas também de superação, pois tinha uma saúde frágil, era epilético, gago, sabe-se pouco de sua infância e início da juventude. Ficou órfão de mãe muito cedo e também perdeu a irmã mais nova. Não freqüentou escola regular, mas, em 1851, com a morte do pai, sua madrasta Maria Inês, à época morando no bairro em São Cristóvão, emprega-se como doceira num colégio do bairro, e Machadinho, como era chamado, torna-se vendedor de doces. No colégio tem contato com professores e alunos e é provável que tenha assistido às aulas quando não estava trabalhando.
Mesmo sem ter acesso a cursos regulares, empenhou-se em aprender e se tornou um dos maiores intelectuais do país, ainda muito jovem. Em São Cristóvão, conheceu a senhora francesa Madamme Gallot, proprietária de uma padaria, cujo forneiro lhe deu as primeiras lições de francês, que Machado acabou por falar fluentemente, tendo traduzido o romance Os Trabalhadores do Mar, de Victor Hugo, na juventude. Também aprendeu inglês, chegando a traduzir poemas deste idioma, como O Corvo, de Edgar Allan Poe. Posteriormente, estudou alemão, sempre como autodidata.

Um comentário:

Luciana Arruda disse...

Olá, parabéns pela entrevista no Quarta Viva! Sucesso e continue sempre autêntico e 'arretado!'Abraços!